+351 21 842 71 00

João Semedo: Coragem, respeito e dignidade

Morreu João Semedo. Foi um lutador desde sempre. Enquanto estudante de medicina, como médico e como político. Defendeu os direitos das pessoas com coragem e com o coração. Esteve ativamente envolvido nas diretivas antecipadas de vontade (testamento vital), no estatuto do dador de sangue, na prescrição por Denominação Comum Internacional, nos direitos dos utentes do SNS (tempos de espera), entre muitas outras iniciativas que ficam para a história da Saúde em Portugal.

Ex-coordenador do Bloco de Esquerda, João Semedo foi um fervoroso defensor do Serviço Nacional de Saúde (SNS). A sua última obra, em parceria com António Arnaut, sobre uma nova Lei de Bases da Saúde, espelha a sua visão sobre o estado atual do serviço público de saúde: “Salvar o SNS”.

Foi um dos mentores do movimento cívico “Direito a morrer com dignidade”. Fez o seu caminho centrado nos direitos, liberdades e garantias das pessoas. De forma intensa, apaixonada e com dignidade.

A João Semedo, o nosso muito obrigado. Por uma vida dedicada a defender as causas em que acreditava, por uma voz ativa na política nacional e internacional, por uma dedicação sem tréguas à Saúde e à Medicina.

Em nome da Ordem dos Médicos, apresentamos os nossos sentidos pêsames à família e aos amigos.

 

Portugal, 17 de julho de 2018

 

Bastonário da Ordem dos Médicos

Conselho Nacional da Ordem dos Médicos