+351 21 842 71 00

Acta Médica Portuguesa – destaques da edição de Fevereiro

Recentemente, o mundo assistiu a múltiplos exemplos de legalização do uso de cannabis para fins recreativos. Numa perspetiva de saúde pública, pela diversidade das experiências em curso, torna-se premente analisar os impactos desta legalização. A Acta Médica Portuguesa, na sua edição de fevereiro, inclui um artigo com o objetivo de rever conhecimentos adquiridos através da experiência dos países onde o uso de cannabis é legal e ponderar sobre a pertinência de iniciar semelhante caminho para a legalização em Portugal. Nesse artigo, publicado já no site da AMP em Ahead of print/Online first o objetivo é, não apenas promover a reflexão, mas também apoiar uma eventual tomada de decisão política para que possa ser devidamente informada e assente no mais avançado conhecimento científico, económico e jurídico sobre esta temática.