+351 21 842 71 00

Ação de Formação – Saúde Pública e Alterações Climáticas

A Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra (CIM-RC) acolhe, nos dias 2 e 3 Julho, quatro sessões de formação/sensibilização, em colaboração com a ARS-Centro e INEM, direcionadas para profissionais e demais interessados, de instituições públicas e privadas, que mantenham cuidados de proximidade com grupos de risco, nomeadamente, crianças, idosos, grávidas, portadores de deficiência, entre outros.

O mote principal das formações, que irão decorrer no Auditório da Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra é “Saúde Pública e Alterações Climáticas”, de modo a saber prevenir e agir em conformidade.

A CIM-RC é entidade intermunicipal constituída pelos municípios de Arganil, Cantanhede, Coimbra, Condeixa-a-Nova, Figueira da Foz, Góis, Lousã, Mealhada, Mira, Miranda do Corvo, Montemor-o-Velho, Mortágua, Oliveira do Hospital, Pampilhosa da Serra, Penacova, Penela, Soure, Tábua, Vila Nova de Poiares, que tem por missão assegurar a articulação de atuação entre os municípios e organismos da administração central nas áreas do ordenamento do território, conservação da natureza, recursos naturais, segurança e proteção civil.

No contexto das referidas atribuições, a CIM-RC executou no ano de 2017 Plano Intermunicipal de Adaptação às Alterações Climáticas (PIAAC) que tem por objetivo estudar de forma aprofundada os riscos e as previsíveis consequências das Alterações Climáticas na Região para os diferentes setores de atividade, para além de elencar um conjunto de ações que definem as prioridades de investimento em matérias de ordenamento do território, prevenção e gestão de riscos.

Na sequência da elaboração do PIAAC, a CIM-RC encontra-se a executar um projeto, financiado pelo POSEUR (POSEUR-02-1708-FC-000058), intitulado de “Reforço das Capacidades de Adaptação às Alterações Climáticas – Ações de Comunicação e Sensibilização na CIM-RC”. Este projeto adquiriu o nome público de ClimAgir e tem vindo a realizar várias ações de comunicação e sensibilização junto da comunidade escolar e população em geral dos 19 Municípios da Região de Coimbra, com o objetivo de promover o conhecimento para o público em geral para as consequências das alterações climáticas.

Neste sentido, a CIM RC considera que o referido projeto terá de ter uma atuação cívica, preparando atores dos diferentes sectores para o impacte das alterações climáticas, mais em concreto, para os diferentes impactes que poderemos enfrentar ao nível da saúde pública. É neste sentido que a CIM RC, em colaboração com a ARS-Centro e INEM, irá realizar ações de formação e sensibilização, direcionadas para profissionais e demais interessados, de instituições públicas e privadas, que mantenham cuidados de proximidade com grupos de risco, nomeadamente, crianças, idosos, grávidas, portadores de deficiência, entre outros.

Estas deverão atender as seguintes questões:

– Ações de prevenção e boas práticas em situações de ondas de calor, vagas de frio e poluição atmosférica – Parte teórica

– Medidas a adotar face à ocorrência destes fenómenos – Parte teórica

– Principais sintomas a ter em consideração no acompanhamento dos grupos de risco, forma de ativar os serviços de emergência médica e abordagem à vitima – Parte prática

EStas ações irão decorrer nas instalações da CIM RC, nos dias 2 e 3 Julho, com 4 sessões de formação/sensibilização, sendo que os interessados deverão escolher um dos dias e um dos blocos de horário disponíveis, de manhã ou de tarde.

A participação é gratuita mas está sujeita a inscrição prévia, que pode ser efetuada através seguinte link: https://forms.gle/YCALnTfd7WZwZRCR6